Print Friendly

Janguiê Diniz2016Janguiê Diniz
Diretor presidente da ABMES
Presidente do Fórum das Entidades Representativas do Ensino Superior Particular

Fundador e Presidente do Conselho de Administração do Grupo Ser Educacional
***

O Brasil já está há quase 3 anos em recessão econômica. Após oito trimestres sem investimentos econômicos, um indicador desenvolvido pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), que tenta prever esse resultado, registrou crescimento de 0,38% no segundo trimestre do ano de 2016. É preciso voltar a crescer, entretanto, esse caminho é longo e difícil.

Na essência precisamos aumentar investimentos e a produtividade da economia brasileira. Isto requer, inicialmente, a realização das reformas: tributárias, fiscais, previdenciária  e trabalhista. Além de melhoria do ambiente de negócios no país, infraestrutura e melhor treinamento e aparelhamento da mão de obra.

Leia mais »

 
Print Friendly

Antonio OliveiraAntônio de Oliveira
Professor universitário e consultor de legislação do ensino superior da ABMES (1996 a 2001)
antonioliveira2011@live.com
***

Preceitua o mandamento: Ama ao teu Deus e ao teu próximo. Honra teu pai e tua mãe, razão de bom sucesso na terra, e terás vida longa. Quanto à boa mãe, como também quanto ao bom pai, ao bom político, ao bom jogador de futebol, ao bom profissional, todos acabam por tomar consciência de que já terão cumprido sua missão aqui na terra. Para tudo e para todos existe a hora certa.

Ocorre-me a imagem da galinha que, em certa altura, não mais recolhe e reúne seus pintainhos debaixo de suas asas, mesmo sendo galinha que cisca olhando para baixo. O ideal materno se volta mais para o alto. Contemplando o voo da águia, aos filhos a boa mãe deu, dá ou dará asas para voar.

Leia mais »

 
Print Friendly

wanda_camargoWanda Camargo
Educadora e assessora da presidência do Complexo de Ensino Superior do Brasil – UniBrasil
***

Se considerarmos o sentido “macro”, a natureza é harmônica. Ao longo das eras, em processos sucessivos de criação-destruição-criação de continentes, oceanos e espécies, há um equilíbrio que às vezes nos escapa por não caber em nossa noção de tempo e espaço. Os seres vivos são frágeis, e as relações entre eles tendem quase sempre ao conflito: animais, insetos e até vegetais competem por lugares, alimento, controle, continuidade.

A espécie humana enfrentou desde sempre inimigos naturais, e mesmo seus semelhantes, conseguindo sobreviver pela associação, formação de grupos que praticavam algumas regras de convívio que reduziram as desavenças sangrentas dentro deles e facilitaram as atividades de caça, coleta e defesa. O início da civilização e do “pacto social” constituiu a melhor, se não a única, garantia de bem estar entre pessoas com diferentes propósitos, necessidades e culturas.

Leia mais »

 
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics
Página 5 de 692« Primeira...34567...102030...Última »