Destaques
Facebook
Twitter

Sobre : Wanda Camargo

Nome Completo: Wanda Camargo
Site:
Detalhes: Presidente da Comissão do Processo Seletivo – Faculdades Integradas do Brasil – UniBrasil

Artigos do(a) Wanda Camargo:

    wanda_camargoWanda Camargo
    Educadora e assessora da presidência das Faculdades Integradas do Brasil – UniBrasil
    ***

    Recentemente, um professor da USP teve problemas ao fazer um comentário sobre a atuação das tropas brasileiras no Haiti; teria dito que seria necessária para pôr ordem na “macacada” – e seus alunos julgaram a expressão racista e ofensiva.

    Não há como saber ao certo o que ocorreu, sem conhecer o professor ou ter presenciado o fato. O termo tem vários significados: segundo o Dicionário Houaiss, um deles seria “bando de macacos” – e se foi usado nessa acepção, está caracterizado um absurdo criminoso. Também pode ser “grupo de amigos ou de pessoas” ou “quantidade de gente” – sentidos em que muitos de nós, provavelmente até mesmo alguns dos alunos ofendidos, a usamos de forma jocosa como em “a macacada estava toda lá…” – e talvez tenha sido essa a intenção do uso.

    Leia mais »

    Compartilhe:
    Avaliar

    wanda_camargoWanda Camargo
    Educadora e assessora da Presidência das Faculdades Integradas do Brasil – UniBrasil
    ***

    A socialização do fracasso acontece sempre que qualquer tentativa de fazer algo melhor do que o mínimo passa a representar uma ofensa mortal a quem se satisfaz com o ínfimo e afirma que nada mais pode ser feito. O teólogo São Tomás de Aquino, um dos grandes pensadores do Cristianismo, afirmou que “se a meta principal de um capitão fosse a preservação de seu barco, ele jamais sairia do porto”. Isso se aplica a praticamente todas as atividades humanas. Vemos com frequência atitudes timoratas serem tomadas em empresas, escolas, famílias, governos, e que buscam apenas uma segurança enganosa.

    A manutenção do status quo, o medo do risco, a recusa à exposição daquele que deveria estar na linha de frente, que parte do princípio de que quem não realiza não erra, mas também não acerta, esconde um confortável limbo de mediocridade. O Ministério da Educação está, com justiça, preocupado com a enorme quantidade de jovens entre 15 e 17 anos que ainda estão no ensino fundamental: “Segundo o MEC, o programa está mapeando onde estão os estudantes atrasados. De acordo com o Anuário Brasileiro da Educação Básica da ONG Todos Pela Educação, os 2,6 milhões de alunos de 15 a 17 anos que ainda estavam em 2011 no ensino fundamental representam 25,5% do total de jovens nessa faixa etária. A maior parte, 52%, estava no ensino médio e o restante havia abandonado a escola” (fonte: Agência Estado).

    Leia mais »

    Compartilhe:
    Avaliar
    wanda_camargoWanda Camargo
    Educadora e assessora da presidência das Faculdades Integradas do Brasil – UniBrasil
    Voluntária da Associação Franciscana de Educação ao Cidadão Especial
    ***

    Em recente palestra, o pensador Domenico de Masi fez referência às democracias hereditárias, métodos legítimos ou ilegítimos pelos quais são estabelecidas verdadeiras dinastias de governantes em alguns países ditos “democráticos”. O que, infelizmente, se aplica não apenas a nações, mas também a muitas organizações.

    Nas instituições da área educacional a discussão de momento, em congressos e fóruns, gira em torno da “gestão democrática”, como se este exercício apenas dependesse da eleição de um diretor, sendo inegável que isso não vai acontecer, seja na escola pública ou privada, sem uma reflexão aprofundada sobre a questão da autonomia e da descentralização de poder que é a essência de um sistema verdadeiramente democrático.

    Leia mais »

    Compartilhe:
    Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics