Destaques
Facebook
Twitter

Sobre : Paulo Cardim

Nome Completo: Paulo Cardim
Site: http://www.belasartes.br/diretodareitoria/
Detalhes:

Artigos do(a) Paulo Cardim:

    Paulo CardimPaulo Cardim
    Reitor da Belas Artes e Presidente da Conaes
    Blog da Reitoria, publicado em 27 de maio de 2019
    ***

    A vida universitária acolhe pessoas de diferentes origens e habilidades desenvolvidas em estudos de níveis diversos. Educadores, educandos, gestores e profissionais da área técnica e administrativa de apoio têm objetivos individuais ou corporativos singulares. Há, contudo, um objetivo institucional – ensino e aprendizagem – que exige disciplina, respeito pela diversidade, pluralismo de ideias e aplicação dos recursos públicos ou da livre iniciativa de forma eficiente e eficaz. Nem sempre, porém, esse objetivo é alcançado integralmente. As instituições de educação superior (IES) cuidam de pessoas e formam cidadãos e profissionais, seu produto final. Não são peças. São seres humanos. Nesse “pequeno” detalhe reside a complexidade da educação, em qualquer nível ou grau.

    Com o protagonismo da Internet, as inovações tecnológicas vertiginosas em informação e comunicação e o surgimento de novas tecnologias diruptivas, como o 5K, a vida universitária, obrigatoriamente, terá que inovar na forma de ensinar, com reflexos inauditos no processo de aprendizagem. É o que previam, em 2012, Clayton M. Christensen e Henry J. Eyring, em A universidade inovadora: mudando o DNA do ensino superior de fora para dentro (Porto Alegre: Bookman, 2014, p. XXIII): “No futuro o ensino poderá vir a sofrer uma desestabilização ou dirupção à medida que vierem a existir significativas melhorias nas tecnologias online e uma alteração no foco competitivo, que deve passar das credenciais do professor ou do prestígio da instituição para aquilo que os estudantes conseguem de fato aprender”. (grifos no original)

    Leia mais »

    Avaliar

    Paulo CardimPaulo Cardim
    Reitor da Belas Artes e Presidente da Conaes
    Blog da Reitoria, publicado em 25 de março de 2019
    ***

    No processo ensino-aprendizagem, o professor foi o agente principal, o senhor absoluto da sala de aula, único espaço disponível para o desenvolvimento das atividades docentes e discentes.

    Os tempos foram mudando, mas o processo educacional parecia ignorar o entorno da sala de aula e, mais ainda, as mudanças que vinham ocorrendo, embora lentamente, no século 20.

    Ao final do século passado chegou ao Brasil, em meados dos anos 90, embora ainda timidamente, a Internet. Paralelamente, foram tomando espaço na vida das pessoas as tecnologias da informação e comunicação. A banda larga era um sonho − e ainda é em alguns recantos deste país continental.

    Leia mais »

    Avaliar

    Paulo CardimPaulo Cardim
    Reitor da Belas Artes e Presidente da Conaes
    Blog da Reitoria, publicado em 18 de fevereiro de 2019
    ***

    Uma das prioridades do ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodrigues, é a extinção do analfabetismo. Para tanto, criou um órgão específico, a Secretaria de Alfabetização, a ele subordinada.

    O art. 214 da Constituição, com a redação dada pela Emenda Constitucional nº 59, de 2009, determina que a lei estabelecerá a erradicação do analfabetismo.

    Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014, que aprova o Plano Nacional de Educação (PNE), com vigência de dez anos (2014/2024), estabelece, no art. 2º, diversas diretrizes do PNE. Com prioridade sobre as demais, o inciso I determina a erradicação do analfabetismo até junho de 2024.

    Leia mais »

    Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics