Destaques
Facebook
Twitter

Arquivo da categoria ‘Financiamento Estudantil’

Print Friendly, PDF & Email

Roberto Leal Lobo e Silva Filho
Estadão, publicado em 29 de julho de 2018
***

A procura pela formação superior, geradora da oferta de novas vagas, principalmente no setor privado, tem se mostrado extremamente volátil nos cursos de Engenharia, tanto quanto a demanda nacional por engenheiros.

Uma pequena variação do PIB Industrial é capaz de ser replicada e multiplicada na demanda por engenheiros. Esse fato foi demonstrado muito claramente em pesquisa realizada há alguns anos pela Confederação Nacional da Indústria – CNI. Não é difícil entender o fenômeno. O investimento empresarial depende das perspectivas econômicas no futuro próximo e alguns estudos revelam que para cada milhão de dólares investidos há necessidade de mais um engenheiro no mercado.

Leia mais »

Compartilhe:
Avaliar
Print Friendly, PDF & Email

Sólon Hormidas Caldas
Diretor Executivo da ABMES – Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior
***

Vivemos em uma nação extremamente desigual e não há inclusão social se não for por meio da educação. Embora entoemos esse mantra há décadas, onde estamos errando? Por que não conseguimos avançar significativamente nos nossos indicadores de desenvolvimento humano?

As respostas para esses questionamentos são diversas, mas boa parte delas passam, necessariamente, pelos baixos índices educacionais da nossa população. O atual panorama educacional do país nos mantém reféns de um círculo vicioso que resulta em baixa produtividade, baixo desenvolvimento econômico e, consequentemente, baixo desenvolvimento social. Leia mais »

Compartilhe:
Avaliar
Print Friendly, PDF & Email

Celso Niskier
Vice-presidente da ABMES e reitor da UniCarioca
Lioudmila Batourina
Consultora de parceria internacional da ABMES
***

Devido a sua natureza lucrativa, existe uma falácia de que em instituições particulares a educação é de baixa qualidade. Sejamos claros e honestos: a educação privada aparece onde o setor público não é capaz de atender as necessidades da sociedade. Este é o caso do Brasil, onde 87,7% dos estudantes estão matriculados em IES particulares (dados do MEC 2017). De acordo com o Plano Nacional de Educação (PNE), aprovado pelo Congresso Nacional, até 2024 o Brasil deve atingir 30% do total de matrículas em IES. Hoje esse número é de apenas 15%. As necessidades reais da sociedade são muito maiores. Imagine se todas as instituições particulares fossem fechadas, o país teria um acesso muito limitado ao ensino superior – em poucos anos a economia brasileira encolheria para a república das bananas. Por isso, é justo dizer que o setor privado de ensino superior no Brasil é, de fato, um contribuinte muito importante para o plano nacional de educação e na solução dos problemas de inclusão social.

As instituições públicas, totalmente mantidas pelos contribuintes, estão tradicionalmente desempenhando o papel de uma locomotiva na ciência e pesquisa brasileiras. Do topo, a importância da educação profissional oferecida pelo setor privado é frequentemente subestimada, pois focam principalmente no ensino, e não na pesquisa. No entanto, com o tempo, muitas instituições particulares têm inovado e criado uma boa reputação, capaz de competir com o setor público em qualidade e destruir mitos, como:

Leia mais »

Compartilhe:
Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics
Página 1 de 2912345...1020...Última »