Destaques
Facebook
Twitter

Arquivo da categoria ‘Qualidade de ensino’

Print Friendly, PDF & Email

Maria Carmen TavaresMaria Carmen Tavares Christóvão
Mestre em Gestão da Inovação e Gestora Educacional
Consultora em Inovação Educacional da Revista Linha Direta
***

Após a 3ª edição do Congresso Brasileiro de Educação Superior Particular (CBESP), realizado em Florianópolis no ano de 2010, com o apoio do Prof. Gabriel Mario Rodrigues, percebi que estava diante da especial possibilidade de criar um canal de comunicação para aproveitar um movimento de relacionamento entre os participantes.

Foi então que iniciei um Fórum Acadêmico no Google Groups, criando um ambiente que pudesse contribuir com o propósito de discutir os assuntos de Educação tratados no Congresso.

Foi sugerido que a partir da Carta de Florianópolis discutíssemos e julgássemos o que fosse mais preponderante. Definimos algumas regras e pautas e os interessados foram acolhendo a ideia e se manifestando.

Leia mais »

Compartilhe:
Avaliar
Print Friendly, PDF & Email

Roberto Leal Lobo e Silva Filho
Estadão, publicado em 29 de julho de 2018
***

A procura pela formação superior, geradora da oferta de novas vagas, principalmente no setor privado, tem se mostrado extremamente volátil nos cursos de Engenharia, tanto quanto a demanda nacional por engenheiros.

Uma pequena variação do PIB Industrial é capaz de ser replicada e multiplicada na demanda por engenheiros. Esse fato foi demonstrado muito claramente em pesquisa realizada há alguns anos pela Confederação Nacional da Indústria – CNI. Não é difícil entender o fenômeno. O investimento empresarial depende das perspectivas econômicas no futuro próximo e alguns estudos revelam que para cada milhão de dólares investidos há necessidade de mais um engenheiro no mercado.

Leia mais »

Compartilhe:
Avaliar
Print Friendly, PDF & Email

Julio Röcker Neto
Gerente editorial do sistema de ensino Aprende Brasil
***

O ano que passou foi, sem dúvida, importante para a educação brasileira. A aprovação da BNCC (Base Nacional Comum Curricular) para os ensinos Infantil e Fundamental e a reforma do Ensino Médio talvez tenham tirado o cenário educacional do ponto de inércia. O que não significa que fechamos 2017 com motivos para comemorar. Dados do Censo Escolar mostram o quanto ainda temos para avançar até que se consigam oferecer condições mínimas de aprendizagem nas escolas de todo o país. Um dos maiores desafios continua a ser o Ensino Médio. A evasão escolar dessa etapa ultrapassa os 11%. E, para reduzir esse número, é preciso analisar com cuidado e precisão não apenas essa fase da vida escolar, mas sim toda a trajetória de aprendizado do estudante.

O levantamento nacional mostra que, em 2017, mais de um terço dos jovens entre 15 e 17 anos que frequentavam a escola estavam em situação de distorção de idade e ano escolar. A fórmula que reúne atraso, baixo desempenho e um contexto de estagnação produz péssimos resultados. Grande parte dos estudantes que concluem o 9º ano não se sente motivada a seguir para o Ensino Médio. Para reverter isso, não basta oferecer a vaga e facilitar o acesso à escola. Governo e educadores precisam enxergar a urgência de se mudar por completo o modelo de ensino e oferecer para o jovem estudante um processo de aprendizagem mais atraente e efetivo.

Leia mais »

Compartilhe:
Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics