Destaques
Facebook
Twitter
Print Friendly, PDF & Email

Antonio OliveiraAntônio de Oliveira
Professor universitário e consultor de legislação do ensino superior da ABMES (1996 a 2001)
antonioliveira2011@live.com
***

Em artes gráficas, compor significa transformar um texto em caracteres tipográficos, por meios manuais, mecânicos, fotográficos ou eletrônicos. O antigo profissional dessa área, compositor tipográfico ou, simplesmente, tipógrafo, compunha encaixando letra por letra, tipo por tipo, executando um serviço de paciência. As caixas onde as letras ficavam guardadas eram gavetas às quais o tipógrafo, pacientemente, recorria para compor. As letras minúsculas, mais usadas, ficavam embaixo, na altura do braço estendido, e as maiúsculas (Caps Lock) em cima. Daí ‘caixa baixa’ e ‘caixa alta’.

Arroba é uma unidade de medida de peso, equivalente a 32 arráteis, 14,7kg, aproximadamente. Usada ainda, no Brasil, como medida de peso de produtos agropecuários equivalente a 15kg. Abreviatura representada pelo símbolo @. Em informática, nome, em português, do sinal gráfico @, empregado em endereçamento eletrônico, como separador entre a identificação do usuário e a designação da rede a que pertence a conta. Tal uso deriva do inglês, em que o sinal representa a preposição at, ’em local específico’; em latim ‘ad’ significa “para, perto, em”.

Leia mais »

 
Print Friendly, PDF & Email

jacir-venturi2017Jacir J. Venturi
Coordenador da Universidade Positivo
Foi professor da UFPR, PUCPR e vice-presidente da ACP
***

Depois de quase cinco décadas como professor e gestor escolar, e com fulcro em muitas leituras, se meu neto tivesse a oportunidade de estudar em uma escola de excelência somente numa única fase da vida escolar, e esta escolha fosse minha, não seria no ensino médio, tampouco na universidade, mas sim no período dos 3 aos 8 anos de idade.

Neurocientistas afirmam que na infância o cérebro faz mais que o dobro de conexões em comparação a qualquer outro período da vida. Um especialista do tema, Rodolfo Canônico, em entrevista à Gazeta do Povo, em 20 de julho de 2018, corrobora: “As conexões cerebrais que se formam nos primeiros anos podem ser um fundamento forte ou fraco para aquelas formadas posteriormente. Além disso, a saúde física e mental, as habilidades sociais e as capacidades cognitivas e linguísticas que se desenvolvem nos primeiros anos de vida são importantes para a vida escolar e profissional, além da vida comunitária em si.”

Leia mais »

 
Print Friendly, PDF & Email

Ronaldo Mota
Membro do Colegiado da Presidência da ABMES
Chanceler do Grupo Estácio
***

O vocábulo “aluno” provém do latim alumnus, significando, literalmente, criança de peito ou aquele que se alimenta de leite. Em outras palavras, um lactante intelectual ou um discípulo. Alumnus ou alumni é proveniente do verbo alere que, em latim, significa alimentar, sustentar, nutrir ou fazer crescer.

Erroneamente, alguns textos tratam a palavra “aluno” como sendo a junção do prefixo grego a, que corresponderia a ausente ou sem, e o sufixo luno, derivado da palavra latina lumni, significando luz. Portanto, na incorreta versão, aluno seria aquele sem luz ou sem conhecimento. A falsa etimologia acima é menos inocente do que parece. Trata-se de equívoco que encontrou terra fértil naqueles que veem o aluno como alguém mais passivo no processo educacional. Ao tratá-lo como sem luz, corre-se o risco de findar transformando em fato algo que era, de início, somente uma simples confusão etimológica.

Leia mais »

 
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics