Destaques
Facebook
Twitter
Print Friendly

Janguiê Diniz
Diretor presidente da ABMES
Reitor da UNINASSAU – Centro Universitário Maurício de Nassau

Fundador e Presidente do Conselho de Administração do Grupo Ser Educacional
***

Brain drain é o termo em inglês para fazer referência à fuga de capital humano ou fuga de cérebros. De uma forma clara, seria a emigração em massa de indivíduos com aptidões técnicas ou de conhecimentos, normalmente devido a fatores como falta de oportunidade, riscos à saúde e instabilidade política nos países.

Os Estados Unidos, por exemplo, são grandes captadores de cérebros mesmo tendo um grande número deles em seu território. A atração de cientistas pelo país é decorrente das oportunidades de melhor remuneração, benefícios e reconhecimento, além da oportunidade de desenvolver pesquisas, tecnologias e etc.
Leia mais »

 
Print Friendly

Antonio OliveiraAntônio de Oliveira
Professor universitário e consultor de legislação do ensino superior da ABMES (1996 a 2001)
antonioliveira2011@live.com
***

Os pais costumam ter um trabalho danado para escolher o nome do bebê. Não é sem razão que, depois de todo esse esforço, ninguém queira ser tratado, anonimamente, como “o próximo” ou como o cliente do guichê 5 ou como portador da senha 24 ou como fulano, sicrana… Ser tratado pelo nome é prova de individualidade, sinal de consideração e identificação. “Meu nome é Enéas”, repetia, com orgulho, persistente candidato à presidência da República. Toda pessoa tem um nome ou um apelido de que gosta.

Antropônimos e topônimos nem sempre correspondem à realidade. Ironia da sorte. Ou da falta de sorte. Uma jovem chamada Celeste tinha pavor de viajar pelos céus, de avião. Belo Horizonte virou Triste Horizonte num poema de Carlos Drummond de Andrade. Um advogado por sobrenome “de Deus” foi condenado à pena de reclusão. Uma menina de nove anos morre ao ser levada pela enxurrada no Conjunto Felicidade. Morte de adolescente deixa apreensivos os moradores do Jardim Felicidade. Em Lagoa Santa, o bairro Vila Rica teve casas demolidas por um vendaval. Um assaltante de 25 anos é o segundo membro de uma família linchado no Bairro da Paz. Moradores da Vila Beija-Flor tiveram de limpar a sujeira e reparar os estragos provocados pelo temporal.

Leia mais »

 
Print Friendly

Fernando Schüler*
Época, publicado em 2 de outubro de 2017
***

Estamos construindo no Brasil, por causa do corporativismo, um modelo que opõe escolas “de pobres” e escolas “de ricos”. É preciso quebrar isso

O papo estava descontraído, antes de um debate, e o professor comentou comigo que não fazia chamada em suas turmas. “Na minha aula, vem quem quer”, disse ele. “Fica menos gente na sala, me incomodo menos, é muito melhor.” O que me chamou a atenção foi o desdém, o tom blasé. Dar a aula “dele” era mais importante do que saber se os alunos estavam ou não aprendendo. Achei compreensível. Ele leciona em uma universidade estatal dessas bacanas, que a gente costuma chamar de “públicas”, tem estabilidade e não é avaliado pelo desempenho em sala de aula.

Leia mais »

 
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics
Página 4 de 733« Primeira...23456...102030...Última »