Destaques
Facebook
Twitter
Print Friendly, PDF & Email

Antonio OliveiraAntônio de Oliveira
Professor universitário e consultor de legislação do ensino superior da ABMES (1996 a 2001)
antonioliveira2011@live.com
***

Fundamental na educação o respeito ao livre-arbítrio, à faculdade de escolher. Desde que se respeitem os direitos alheios pondo-se no lugar da outra pessoa, mediante empatia. “Um profundo respeito humano. Um enorme respeito à vida. Acredito nos homens. Até nos vigaristas.” Esse um dos ingredientes da Receita de Vida de Pedro Bloch. “O homem é capaz de reflexos maravilhosos, tanto ao volante como na vida civil. Até no crime. Tem sempre aquela centelha, aquela possibilidade de superação.” É o que Orígenes Lessa escreve em Memórias de um Fusca. Difícil admitir alguém totalmente mau, tampouco alguém totalmente bom. “L’homme n’est ni ange ni bête”, pensamento de Blaise Pascal. O homem não é nem anjo nem besta.

De novo Orígenes Lessa: Os marginais são uns infelizes. Há os que nunca tiveram ensino e foram formados na escola do crime e das drogas. Nasceram no crime e aí permanecem. Todavia, têm momentos de ternura, gestos bonitos, como aquele “Graças a Deus” de um deles quando soube que uma criança escapara de um acidente automobilístico, resultado de imprudência ao volante.

Leia mais »

 
Print Friendly, PDF & Email

Paulo CardimPaulo Cardim
Reitor da Belas Artes e Presidente da Conaes
Blog da Reitoria, publicado em 18 de fevereiro de 2019
***

Uma das prioridades do ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodrigues, é a extinção do analfabetismo. Para tanto, criou um órgão específico, a Secretaria de Alfabetização, a ele subordinada.

O art. 214 da Constituição, com a redação dada pela Emenda Constitucional nº 59, de 2009, determina que a lei estabelecerá a erradicação do analfabetismo.

Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014, que aprova o Plano Nacional de Educação (PNE), com vigência de dez anos (2014/2024), estabelece, no art. 2º, diversas diretrizes do PNE. Com prioridade sobre as demais, o inciso I determina a erradicação do analfabetismo até junho de 2024.

Leia mais »

 
Print Friendly, PDF & Email

Ronaldo Mota
Consultor Educacional
***

Em Londres, no mês passado, tive a oportunidade de jantar com o amigo Patrick Towell, um dos inovadores britânicos mais bem atualizados sobre tecnologias digitais. Perguntei de forma direta: “em poucas palavras, qual inovação impactará o mundo da educação no cenário próximo?”. Ele, imediatamente, respondeu com uma só palavra: “voz”. A curto prazo, todas as instituições educacionais competitivas terão adotado assistentes virtuais baseados em voz que se tornarão suas correspondentes marcas registradas. Serão também, segundo ele, suas principais interfaces de comunicação com os educandos e com o resto do mundo.

Assistente de voz é uma ferramenta digital que, fazendo uso de reconhecimento de comandos sonoros, desenvolve uma síntese de fala, via processamento de linguagem natural. Os incríveis avanços recentes de inteligência artificial têm propiciado assistentes de voz que mudarão nosso cotidiano com velocidade espantosa, incluindo os meios e métodos que adotamos para aprender, ensinar e se relacionar no mundo educacional. Leia mais »

 
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics