Destaques
Patrocínio
Facebook

Sobre : Gabriel Mario Rodrigues

Nome Completo: Gabriel Mario
Site:
Detalhes: Presidente do Conselho de Administração da ABMES

Artigos do(a) Gabriel Mario Rodrigues:

    Gabriel Mario Rodrigues2

    Gabriel Mario Rodrigues
    Presidente do Conselho de Administração da ABMES
    ***

    “Um homem desejoso de trabalhar e que não consegue encontrar trabalho, talvez seja o espetáculo mais triste que a desigualdade ostenta ao cimo da terra.” (Thomas Carlyle)

    Professor universitário, meio desacorçoado com a situação em que está vivendo, desabafa num e-mail, contando um filme[1] baseado em fato real do menino que vivia dentro de uma bolha de plástico, por ter uma síndrome imunológica grave. Escreve meio apavorado: “O filme tem mais de 44 anos e não me sai da cabeça: tanto como professor quanto cidadão tenho a sensação de que cada um de nós terá que viver envolto em uma bolha ou vestido com um traje de astronauta, pois o mundo está cada vez mais exposto a vírus mutantes e desconhecidos. Com certeza afirmo que meus três filhos não voltarão a frequentar a escola enquanto a vacina ou o tratamento cientificamente validado sejam criados. Eu e minha esposa, professores universitários, não voltaremos a frequentar salas de aula pelo mesmo motivo. Não há garantias científicas, e o risco de vida é muito maior do que o benefício econômico ou acadêmico”.

    Devem haver milhares de pais que pensam do mesmo jeito e, em mais de 50 países, por razões diversas, há o mesmo discernimento.

    Leia mais »

    Avaliar
    Gabriel Mario Rodrigues2

    Gabriel Mario Rodrigues
    Presidente do Conselho de Administração da ABMES
    ***

    “Acho pueril a pergunta que muitos fazem: O que vai acontecer quando tudo voltar ao normal? Simplesmente não vamos voltar ao normal. A sociedade vai se transformar, e muito” (Nizan Guanaes)

    Não há necessidade de justificar nada, mas é lógico que depois de matar mais 200 mil pessoas, segundo a universidade Johns Hopkins, e desestruturar a vida de milhões, o novo coronavírus tornou-se um marco histórico da humanidade, porque a todos obrigou a pensar que a vida humana pode ser extinta de uma hora para outra. Mais ainda, mexeu com a economia, com o trabalho, com o meio ambiente, com a política e com a vida de milhões de pessoas.

    Nada vai ser como antes. As nações, os governos, as empresas, as pessoas em busca do poder, ou encontram um meio de convivência pacífica e colaborativa ou se destroem mutuamente e deixam este planeta para outros seres mais inteligentes e menos gananciosos.

    Leia mais »

    Avaliar
    Gabriel Mario Rodrigues2

    Gabriel Mario Rodrigues
    Presidente do Conselho de Administração da ABMES
    ***

    “São nossas escolhas que determinam quem somos ou o que viermos a ser. São elas que podem mudar nossa vida, e a vida de muitas outras pessoas. E é graças a nossas escolhas que podemos mudar, inovar, fazer diferente. Ousar. Graças a nossas escolhas que podemos nos reinventar, de sermos aprendizes de nós mesmos.” Kathlen Heloise Pfiffer

    Quarentena: Tempo de ficar em casa e pensar na vida! Tempo de provação! Tempo de reflexão! Tempo de humanização! Tempo para se reinventar!  Tempo para autoconhecimento! Tempo de pensar na família!  Tempo de pensar na humanidade! Tempo de pensar no próximo!  Tempo de pensar nos desgovernos que saem e que entram por estes brasis! Tempo de pensar nas crises! Tempo de pensar na educação! Tempo para instigar nossa criatividade! Tempo de pensar no mundo mais acolhedor! Tempo para pensar no amigo!  Tempo de pensar em ciência e tecnologia! Tempo para   pensar na cidade onde vivemos e na rua em que moramos! Tempo para ver e sentir os moradores das comunidades sem recursos! Tempo para pensar nos desprotegidos! Tempo para pensar em Deus, para quem nele acredita! Tempo de solidariedade! Tempo para esquecer o futebol e tempo para pensar no Brasil e nas nossas diferenças sociais. Coisa que todo mundo sabe que existe e que este “viruzinho” enfezado veio escancarar, mostrando a imensa desigualdade dos que moram no Morumbi e de seus vizinhos de Paraisópolis.

    Leia mais »

    Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics