Sobre : Ronaldo Mota

Nome Completo: Ronaldo Mota
Site: http://lattes.cnpq.br/7447943300478765
Detalhes:

Artigos do(a) Ronaldo Mota:

    Ronaldo Mota
    Diretor Científico da Digital Pages
    Membro da Academia Brasileira de Educação
    ***

    Circulam na praça um conjunto de vídeos irracionais, irresponsáveis e, socialmente, danosos. A melhor forma para minimizarmos os estragos é propiciarmos educação de qualidade para todos, e, sempre que possível,  tentarmos aprender algo a partir dos absurdos.

    Alguns desses vídeos, a título de exemplo, tratam de falsos impactos na glândula pineal causados pelo uso de termômetros de infravermelho na testa. São centenas, talvez milhares, de peças de divulgação similares completamente equivocadas e , deliberadamente, distribuídos por redes de militantes organizados e robôs.

    É menos inocente do que parece, explorar o senso comum para convencer alguém de algo sem nenhum  fundamento científico ou base real. Trata-se de preparar seres humanos para serem convencidos de “fake news”, mesmo quando absolutamente inverídicas.

    Leia mais »

    Avaliar

    Ronaldo Mota
    Diretor Científico da Digital Pages
    Membro da Academia Brasileira de Educação
    ***

    Recentemente, o centro de controle de epidemias do prestigiado Imperial College do Reino Unido anunciou que no Brasil, pela primeira vez em quatro meses, a taxa de contágio, a qual indica para quantas pessoas em média cada infectado transmite o vírus, caiu abaixo de 1.

    O registro foi de 0,98, ou seja, em termos numéricos, implica que 100 infectados contagiam 98 pessoas. Estas, por sua vez, repassam o vírus para 96 e assim por diante, caminhando, em tese, para o controle da epidemia e, se consistente o ritmo de diminuição, à superação da transmissão da doença. Sabemos, no entanto, que o mundo real nem sempre segue à risca as modelagens que tentam descrevê-lo.

    Leia mais »

    Avaliar

    Ronaldo Mota
    Diretor Científico da Digital Pages
    Membro da Academia Brasileira de Educação
    ***

    De uma maneira ampla, o somatório dos interesses das partes não necessariamente representa um benefício ao todo, expresso aqui pela sociedade. Pelo contrário, o produto líquido de aspirações setoriais, quando não corretamente mediado entre todas as partes afetadas, pode, ocasionalmente, impactar negativamente no conjunto geral.

    Ou seja, aquilo que é setorialmente defensável demanda passar por uma análise que transcenda os limites dos interesses localizados, por mais legítimos que eles sejam. Em outras palavras, saber conjugar as aspirações corporativas de categorias e setores com as possibilidades e necessidades maiores da sociedade como um todo é uma arte que, via a democracia, nos seus vários níveis, estamos sempre exercitando e aprendendo ao longo do caminho.

    Leia mais »

    Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics