Destaques
Facebook
Twitter

    Sorry, no Tweets were found.

Sobre : Roney-Signorini

Nome Completo: Roney Signorini
Site: http://www.roneysignorini.com.br
Detalhes: Consultor Educacional

Artigos do(a) Roney-Signorini:

    Roney SignoriniRoney Signorini
    Assessor e Consultor Educacional
    ***

    Sempre gostei de números, grande razão de minha formação em Arquitetura, me sinto atraído por um bom cálculo e às vezes vou ao desafio de equações.

    O mundo dos números é tão fascinante que mais parece um feitiço quando se fecha a conta e deu tudo certo, quase uma hipnose aritmética. Talvez sugestionado por Malba Tahan, de quem fui e sou aficionado.

    O assunto de hoje é a Portaria Nº 1.428, de 28/12/18, ou seja, editada pelo governo anterior, no apagar das luzes, motores esquentando na pista para a decolagem. A redação da norma tem uma ementa bem breve: Dispõe sobre a oferta, por Instituições de Educação Superior – IES, de disciplinas na modalidade a distância em cursos de graduação presencial.  A seguir estão as prerrogativas do editor Leia mais »

    Avaliar

    Roney SignoriniProf. Roney Signorini
    Assessor e Consultor Educacional
    roney.signorini@superig.com.br

    ***

    (…) foi o poema de mais longa gestação em toda minha obra. Vi pela primeira vez esse nome de Pasárgada quando tinha os meus dezesseis anos e foi num autor grego. Mais de vinte anos depois, quando eu morava só na minha casa da Rua do Curvelo, num momento de fundo desânimo, da mais aguda doença, saltou-me de súbito do subconsciente esse grito estapafúrdio: “Vou-me embora pra Pasárgada!. Lá sou amigo do rei”. (Manuel Bandeira)[1]

    Manuel Bandeira foi um dos gênios da literatura brasileira e nesse poema bem expressou o que milhares de brasileiros desejam, no íntimo, como realização de vida: o sossego, a paz e a tranquilidade, contrariada pelo turbilhão diário de muitos inconvenientes, dissabores, desalentos e sobretudo desencantos da cidade grande.

    Leia mais »

    Avaliar

    Roney SignoriniProf. Roney Signorini
    Assessor e Consultor Educacional
    roney.signorini@superig.com.br

    ***

    “Fazer jornalismo é publicar aquilo que alguém não quer que seja publicado.” Não quero aqui contrapor a tese expressa na oração que tão bem define a chave de um jornalismo atuante e combativo. Nem defender a adoção de um jornalismo chapa branca, que seria ainda mais pernicioso do que o “jornalismo da depressão” que é vastamente praticado hoje no país. Mas é diferente propor um jornalismo que valorize as boas práticas na sociedade, aquelas que são capazes de transformá-la, indo além da pintura de um cenário de erro absoluto.
    Ricardo Corrêa
    [1]

    A metáfora é repetidamente utilizada em palestras e vai servir para o assunto de hoje: mas, afinal, um copo com água pela metade está meio cheio ou meio vazio?

    Então, o que é notícia ruim ou notícia boa? Vale o viés do espectador/leitor quando abre os jornais ou revistas e no mais das vezes vê escancarada uma notícia que “teria” o fim desastroso, pessimista e negativista.

    Leia mais »

    Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics