Destaques
Patrocínio
Quero Summit
Facebook

Arquivo da categoria ‘ABMES’

Print Friendly, PDF & Email

Celso Niskier
Diretor presidente da Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES)
Reitor do Centro Universitário UniCarioca
***

Que o mundo enfrenta um cenário alarmante todos concordam. Mas o que parece ainda não ser consenso é sobre como se comportar diante de uma pandemia.

Órgãos oficiais de saúde e o Ministério da Educação vêm anunciando recomendações diante do avanço global do novo coronavírus (COVID-19). A Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES) orientou que faculdades, centros universitários e universidades particulares adotem medidas preventivas em seu cotidiano para evitar ao máximo a disseminação do vírus.

Leia mais »

Avaliar
Print Friendly, PDF & Email

Sólon Caldas
Diretor executivo da ABMES
Publicado no Estadão, em 2 de março de 2020
***

A cada ano o setor de ensino superior particular amplia sua participação no mercado nacional, expandindo significativamente a oferta com qualidade para os brasileiros. Segundo dados do Censo da Educação Superior de 2018, divulgados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep/MEC), o segmento é responsável por 93,4% da oferta de educação superior do país, considerando as modalidades presencial e Educação a Distância (EAD).

Quanto às matrículas nas instituições de educação superior (IES) particulares, tivemos no ano de 2018 um número significativo na graduação no Brasil: 70,2% em cursos presenciais (4.489.690) e 91,6% em cursos EAD (1.883.584). Isso significa dizer que, majoritariamente, a educação superior brasileira se dá no setor privado, o que representa uma gigantesca desoneração do Estado com investimentos na formação da população. Leia mais »

Avaliar
Print Friendly, PDF & Email

Daiana Martins
Full Stack Designer e coordenadora de TI da ABMES
***

A acessibilidade para surdos é um desafio antigo, iniciado por Dom Pedro II, no Rio de Janeiro, na fundação da primeira instituição brasileira para surdos, em 26 de setembro de 1857. A entidade foi iniciada com o objetivo principal de oferecer uma educação de qualidade a todos com essa deficiência. O Dia Nacional Do Surdo passou a ser comemorado nesta data, para reforçar essa importante cultura por mais acessibilidade.

Um fato bem desconhecido pela população em geral é que a maioria das pessoas com deficiência auditiva não é alfabetizada em Português. De fato, em geral as suas primeiras interações sociais ocorrem por intermédio dos sinais, que é sua língua nativa, chamada em nosso país de Libras – Língua Brasileira de Sinais. Trata-se de uma língua visual-espacial, que possui estrutura própria. Ou seja, desenvolver a língua portuguesa é secundário, que é um aprendizado bem desafiador, especialmente devido à ausência da oralidade. Dessa maneira, as principais dificuldades para o surdo não decorrem da surdez em si, mas da falta de fluência na língua portuguesa. Leia mais »

Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics