Destaques
Patrocínio
Facebook
Twitter

Arquivo da categoria ‘Avaliação e regulação’

Print Friendly, PDF & Email

Celso da Costa Frauches
Consultor educacional da ABMES
***

Os cursos de graduação em Direito têm sido alvo de ações e intervenções da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) junto ao Ministério da Educação (MEC), por conta do “excesso de advogados” na praça. Uma visão estritamente corporativista, uma vez que o bacharelado em Direito gradua “operadores do direito” que podem, até, exercer a advocacia.

Pressionado pela OAB, o MEC publicou, às vésperas do Natal, a Portaria Normativa nº 20, de 19 de dezembro de 2014, estabelecendo os procedimentos e o padrão decisório para os pedidos de autorização dos cursos de graduação em direito ofertados por Instituições de Educação Superior (IES) integrantes do Sistema Federal de Ensino, “em trâmite no Ministério da Educação até a publicação desta Portaria normativa”.

Leia mais »

Avaliar
Print Friendly, PDF & Email

Ronaldo Mota

Ronaldo Mota
Reitor da Universidade Estácio de Sá
Professor aposentado da Universidade Federal de Santa Maria
***

As teorias educacionais são, em geral, ancoradas em seus procedimentos, metodologias e referenciais teóricos, decorrendo daí as respectivas abordagens e focos. Não seria nenhum exagero afirmar que a imensa maioria dos procedimentos, metodologias e abordagens têm tradicionalmente adotado como objetivo central evitar os tropeços dos alunos. Fundamentalmente, o ensino tradicional, ao informar, o faz para que o educando acerte e evite os erros. De forma resumida, ter sucesso, normalmente, quer dizer “não tropeçar”, sabendo responder as questões corretamente e completando positivamente os desafios apresentados.

Mais do que simplesmente aprovar os que acertam e reprovar os que erram, a cultura educacional estabeleceu como referências aqueles que tudo sabem e nada erram, fruto essencialmente de estarem bem informados e terem boa memória, reverenciando-os como vitoriosos e exemplos a serem seguidos no processo ensino-aprendizagem.

Leia mais »

Avaliar
Print Friendly, PDF & Email
wanda_camargoWanda Camargo
P
rofessora aposentada da UFPR, em exercício nas Faculdades Integradas do Brasil – UniBrasil
Assessora da presidência do Complexo de Ensino Superior do Brasil
***

O número expressivo de candidatos que não recebeu nota na Redação da prova do Enem 2014, mais de quinhentos mil, quase dez por cento do total de inscritos, surpreendeu e assustou todos os brasileiros interessados em educação e no futuro do país.

O presidente do INEP declarou candidamente “Estou comparando duas coisas que não são completamente comparáveis. Temos um tema diferente em dois anos diferentes.” Já o ministro da Educação afirmou “Eu arriscaria uma tese: o tema de 2013 foi lei seca. Essa questão foi muito debatida, discutida. O tema da publicidade infantil (no ano passado) não teve um grande processo de discussão como o outro.”

Leia mais »

Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics