Destaques
Facebook

Arquivo da categoria ‘Comportamento’

Antônio de Oliveira
Professor universitário e consultor de legislação do ensino superior da ABMES (1996 a 2001)
antonioliveira2011@live.com
Instagram: @prof.antoniooliveira

***

Em O retorno do jovem príncipe, de A.G. Roemmers, à semelhança d’O pequeno príncipe, a conversa gira em torno de indagações, sendo a primeira delas:– O que é um problema? Faço uma pausa. Instintivamente, fecho meu Kindle. E eis que me ponho a pensar… E o problema é: O que é um problema?

Do grego, próblema, vocábulo proparoxítono, passando, pelo latim, a paroxítono, problema me parece ser uma questão que postula uma resposta ou uma dificuldade que requeira uma solução.

Leia mais »

Avaliar

Jacir Ventura
Membro do Conselho Estadual de Educação do Paraná
***

O mundo caminha para a consolidação do ensino híbrido, modalidade que combina tanto o docente em sala de aula, orientando e expondo conteúdos aos alunos, quanto o aluno complementando esses estudos remotamente em plataformas digitais ou em outras formas de ensino não presencial.

Nas Instituições de Ensino Superior (IES), ainda existem resquícios da falsa dicotomia entre educação virtual e presencial, porém mais bem superada do que na Educação Básica. Muito em breve essa visão deve desaparecer, pois são modalidades complementares: é ensino-aprendizagem e…  ponto. Nesse sentido, a partir da Portaria do MEC de 31/12/18, até 40% do conteúdo da carga horária de um curso superior presencial pode ser a distância – antes esse limite era de 20%. Evidentemente, há regramentos e limites, em especial para os cursos da área de saúde.

Leia mais »

Avaliar

Valmor BolanValmor Bolan
Professor da Unisa e ex-reitor e dirigente do Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras

Doutor em Sociologia e especialista em Gestão Universitária pela Organização Universitária Interamericana (OUI), sediada em Montreal, Canadá
***

Alguns Pediatras pedem a volta das aulas presenciais no Brasil, em manifesto.  Explica Adriana Suzuki: “Elaboramos um texto com base em evidências científicas para ajudar a sociedade a refletir sobre a retomada das atividades em 2021, qual o custo/ benefício em enviar as crianças para a escola”. A preocupação é evitar uma extensão ainda maior das paralisações das aulas presenciais, tendo em vista que em outros países tem sido possível conciliar as aulas presenciais com as medidas sanitárias necessárias.  Especialmente sentem o efeito econômico danoso das aulas não presenciais  as escolas particulares. Muitas delas não têm suportado a crise e quebrado, sem poder manter as despesas com professores e funcionários há quase dez meses com as atividades paralisadas. Mesmo algumas das escolas públicas têm conseguido manter o ensino on line que garanta o cumprimento das aulas, com o conteúdo que se faz necessário. O fato é que muitos consideram 2020 como um ano perdido, forçados à aprovação automática dos alunos, sem que se saiba exatamente o que fazer no próximo ano, para evitar os transtornos ocorridos por causa da pandemia do novo coronavírus. 

Leia mais »

Avaliar
Números do Ensino Superior

Quer contribuir para o blog da ABMES?

Envie seu artigo para o e-mail comunicacao@abmes.org.br com nome completo, cargo e foto e aguarde nosso contato!

Categorias
Autores
Arquivos