Arquivo da categoria ‘Financiamento Estudantil’

Gabriel Mario Rodrigues2Gabriel Mario Rodrigues
Presidente do Conselho de Administração da ABMES
***

“Dar dinheiro não é uma solução. É uma forma de mascarar a miséria. Você deixa de ver o problema, porque as pessoas conseguem sobreviver, comer, se divertir. Parece que está tudo bem, mas não está, porque o dinheiro não é delas. Então, a doação de dinheiro é uma solução temporária e não permanente. Para termos uma solução permanente, as pessoas têm de cuidar de si mesmas. Só assim elas podem se tornar agentes ativas de mudança”. (Muhammad Yunus)

É filme de faroeste americano da década de sessenta: uma pequena cidade estava estagnada havia anos, ninguém tinha trabalho e a miséria era total. Um bandoleiro, acompanhado por sua turma, entra à noite na estalagem humilde do lugar e coloca um saco em cima do balcão. Aos berros, ele grita para a medrosa recepcionista: “Olha moça, quero que você guarde no cofre este saco de dinheiro. São 60 mil dólares que virei apanhar daqui a quatro dias. Se faltar um dólar, eu mato sua família”. A jovem apavorada guarda o dinheiro e, de medo, nada fala ao pai quando este veio cumprir seu turno. Ao abrir o cofre, surpreso, ele pensa imediatamente em saldar seus débitos com os fornecedores, pois estava à beira da falência. Mais tarde, quando a filha explica que o dinheiro era do bandido a família apavora-se. Mas vêm os dias seguintes e, como a pensão também era credora, pouco a pouco o dinheiro ia retornando. Quando o gangster veio apanhar o saco, ele estava intacto. Só que um milagre acontecera na cidade, todos estavam trabalhando e felizes.

Leia mais »

Avaliar

Cesar SilvaCesar Silva
Presidente da Fundação FAT*
***

Ao longo de 2016, foram colhidos resultados de um modelo educacional arcaico, equivocado e sem foco no real aprimoramento das metodologias de aprendizagem. Foram momentos de muita turbulência administrativa e insegurança financeira nacional. Como consequência, o setor de educação superior passou por mais do que uma crise financeira, pois grande parte das Instituições de Ensino Superior sofreram com a “inadimplência” do próprio Governo Federal. As centenas de IES que aderiram a programas associados a políticas públicas de acesso a educação, como o Bolsa Formação, o Pronatec e o Fies, ficaram meses sem receber os devidos repasses referentes às mensalidades dos alunos bolsistas.

As famosas peladas fiscais, que foram desenvolvidas com o suporte dos bancos públicos, repetiram-se nos programas de acesso à educação, que tinham as Instituições de Ensino Superior Privadas como financiadoras das promessas do governo. Para essas, houve o acréscimo da crueldade de não serem informadas sobre esta proposta de financiamento. Com o atraso do repasse dos valores devidos em até quatro meses consecutivos, as instituições chegaram a financiar mais R$ 700 milhões para o governo federal.

Leia mais »

Avaliar

Janguiê Diniz2016Janguiê Diniz*
Diretor presidente da ABMES
Secretário executivo do Fórum das Entidades Representativas do Ensino Superior Particular

Fundador e Presidente do Conselho de Administração do Grupo Ser Educacional
***

No Brasil, quem teve boa formação escolar, passando pelos melhores colégios particulares, estuda em universidades federais, bancadas com recursos públicos que jamais retornarão para a União.

Por outro lado, o aluno que se formou em escolas públicas, enfrentando toda sorte de dificuldades -falta de material didático, professores e outros-, só consegue cursar o ensino superior se recorrer às instituições particulares. Com raríssimas exceções.

Leia mais »

Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics