Destaques
Patrocínio
Facebook

Arquivo da categoria ‘Geral’

Print Friendly, PDF & Email
Édson Franco
Advogado, jornalista e professor universitário – Diretor da Faculdade de Estudos Avançado do Pará
***

Quase ao mesmo tempo em que o Ministro Haddad dizia da sua decisão de reduzir vagas nas instituições de ensino superior que não demonstraram a suficiente qualidade educacional em vista do processo de avaliação ministerial, a Rede Globo, através do FANTÁSTICO revelava a situação calamitosa da Universidade Federal de Rondônia (UNIR).

Ficamos de boca aberta com as imagens que foram apresentadas e com as denúncias de professores e alunos sobre o descalabro daquela Instituição.

Como num filme relembrei do nascimento da UNIR. O Ministro Andreazza tinha interesse na criação daquela universidade. Com um outro companheiro de trabalho cheguei a preparar o projeto preliminar da Instituição. Visitei o interior do então Território para fazer algo condizente com as necessidades da Região. Logo depois – não passaram dois anos – fui chamado pela então Ministra Esther Ferraz para ir até lá para resolver um problema de “inchaço” de funcionários da UNIR. Fui e ajudei no que pude. A Universidade teria virado “cabide de empregos”, especialmente na campanha política daquela época.

Leia mais »

Avaliar
Print Friendly, PDF & Email
Eugênio Bucci, jornalista, é professor da ECA-USP e da ESPM
O Estado de S.Paulo, publicado em 17 de novembro de 2011
***

Há dois anos e meio, em 18 de junho de 2009, escrevi neste mesmo espaço um artigo sobre a Universidade de São Paulo (USP): O atraso no espelho. Poucos dias antes, a Cidade Universitária virara uma praça de guerra, ou quase. Com balas de borracha e bombas de gás lacrimogêneo, policiais haviam dissolvido uma passeata de estudantes e funcionários, que também não eram lá tão pacíficos. Ali ficou patente que a USP mergulhara num déficit de representatividade e de legitimidade, que abria campo para o recrudescimento da violência.

O déficit de representatividade expressava-se nos movimentos sindicais da universidade. Tanto o Diretório Central dos Estudantes (DCE) quanto o Sindicato dos Trabalhadores da USP (Sintusp), incapazes de mobilizar grandes contingentes entre seus presumíveis filiados, apostavam em ações supostamente radicais. Para propagandear suas reivindicações ocupavam gabinetes oficiais na base de piquetes que se valiam intimidações físicas. De outro lado, o déficit de legitimidade já era notório nos órgãos de poder da universidade, que estavam distantes do conjunto da comunidade, que não os reconhecia como interlocutores.

Leia mais »

Avaliar
Print Friendly, PDF & Email
Gustavo Monteiro Fagundes
Especialista em Direito Educacional e Consultor Jurídico do ILAPE e da ABMES
***
 
O Ministério da Educação divulgou hoje, com a publicação no Diário Oficial da União, os Conceitos Preliminares de Curso (CPC) relativos aos cursos avaliados na edição do ENADE de 2010, assim como o Índice Geral de Cursos (IGC), também relativo ao ano de 2010.
Esta divulgação, como não poderia deixar de ser, gera um grande alvoroço em todas as instituições de educação superior do País, pois determinará o encaminhamento das ações relativas aos cursos avaliados no ENADE de 2010 e aos pedidos de recredenciamento das IES, sobretudo aquelas que obtiveram indicadores insatisfatórios.
Para os cursos que tenham recebido a publicação de portaria de reconhecimento ou de renovação de reconhecimento a partir de 2009 e cujo CPC tenha sido satisfatório, não há motivo para inquietação, pois, a teor do disposto no artigo 69-B da Portaria Normativa nº 40/2007 republicada, está prorrogada a validade do ato autorizativo:
Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics