Arquivo da categoria ‘Gestão Educacional’

Gabriel Mario Rodrigues2

Gabriel Mario Rodrigues
Presidente do Conselho de Administração da ABMES
***

“É preciso criar um movimento de sensibilização social de que a educação é a chave que abre todas as portas – portas do conhecimento, portas da cultura, da ciência, da tecnologia, do bem-estar social, do trabalho e, principalmente, a porta da autodeterminação e da consciência cidadã.”

A ABMES está comemorando seu trigésimo oitavo aniversário dentro da maior crise de saúde que o mundo moderno já passou. No momento em que escrevemos, a Covid-19 já infectou mais de 18,3 milhões de pessoas no mundo e já ocasionou mais de 700 mil mortes. O mundo parou, os negócios das grandes e das pequenas empresas foram atingidos e a economia estagnou com números preocupantes. As pessoas acostumaram-se a trabalhar em casa e, incrédulas, refletiam sobre como um simples vírus podia fazer uma chacina dessas. No Brasil, os dados oficiais do Ministério da Saúde apontam quase 3 milhões de infectados e logo ultrapassaremos os 100 mil óbitos. Uma tragédia humana que alcançou nossa sociedade, suas organizações e a economia.

Nos artigos de aniversários da ABMES dos anos anteriores sempre enalteci o trabalho desempenhado por suas gestões, em razão de dar continuidade aos sonhos de seus fundadores, que é o de defender a causa da liberdade da iniciativa particular de ensinar e de formar cidadãos competentes. Mostrava sempre o trabalho dos presidentes e seus diretores, enfatizando os desempenhos de Candido Mendes, de Édson Franco, deste articulista quando presidente e de José Janguie Diniz em prol da ABMES.

Leia mais »

Avaliar

Ronaldo Mota
Diretor Científico da Digital Pages
Membro da Academia Brasileira de Educação
***

É da natureza da criança e do jovem o ato de experimentar. Desde levar tudo à boca e estimular todos os sentidos até explorar novos espaços e a propensão a vivenciar experiências inéditas.

O idoso, bem como o adulto, por sua vez, tendem a, cada vez mais, fazer uso das experiências anteriores, dispensando, quando possível, agregar novos contextos, relacionamentos e demais novidades desnecessárias.

Pertinente observar que, gradativamente, as crianças aparentam uma relativa aceleração cognitiva e de maturidade, bem como os idosos tendem, em função de uma mais larga expectativa de vida, a promover ousadias pouco comuns em gerações anteriores. As representações acima são pictóricas e generalizantes, visando unicamente destacar comportamentos típicos médios dos grupos referidos.

Leia mais »

Avaliar

Renato Casagrande
Consultor da Conquista Solução Educacional
***

Entre os muitos aprendizados que essa pandemia vai deixar na área da educação, talvez o maior deles seja a valorização da escola e do trabalho do professor em si, por pais e sociedade em geral. Percebemos uma valorização surpreendente da escola e do seu papel na sociedade porque ficou claro que educar não é nada simples. Foi-se o tempo em que a escola se preocupava ou se voltava mais à educação formal. Hoje, a escola proporciona uma formação integral, o que permitiu aos pais enxergarem o quanto ela faz falta também para o desenvolvimento das crianças. Depois da saúde, é provável que a educação foi o setor mais impactado pela pandemia. E esse impacto se deu porque, além de termos todas as atividades suspensas inicialmente e depois radicalmente transformadas, também temos o enorme desafio da volta, que não será como antes. Para que o retorno às aulas presenciais possam ocorrer, de fato, existem três aspectos fundamentais que precisam ser considerados.

O primeiro diz respeito a todas as normas de higiene que deverão ser adotadas pelas escolas para cuidar de crianças e adolescentes no momento em que as aulas retornarem presencialmente. Hoje, a responsabilidade desse cuidado é da família, mas quando as aulas recomeçarem, essa responsabilidade será também da escola. Sendo assim, todos os professores passam a ser agentes, coordenadores e orientadores de saúde. Além de precisarem dominar e conhecer as novas normas de saúde, ainda vão ter de educar os alunos, informá-los, orientá-los e controlá-los para que os seus comportamentos estejam alinhados com os protocolos atuais de higiene e saúde.

Leia mais »

Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics