Destaques
Facebook
Twitter

Arquivo da categoria ‘Gestão Educacional’

Print Friendly, PDF & Email

Paulo CardimPaulo Cardim
Reitor da Belas Artes e Presidente da Conaes
Blog da Reitoria, publicado em 25 de março de 2019
***

No processo ensino-aprendizagem, o professor foi o agente principal, o senhor absoluto da sala de aula, único espaço disponível para o desenvolvimento das atividades docentes e discentes.

Os tempos foram mudando, mas o processo educacional parecia ignorar o entorno da sala de aula e, mais ainda, as mudanças que vinham ocorrendo, embora lentamente, no século 20.

Ao final do século passado chegou ao Brasil, em meados dos anos 90, embora ainda timidamente, a Internet. Paralelamente, foram tomando espaço na vida das pessoas as tecnologias da informação e comunicação. A banda larga era um sonho − e ainda é em alguns recantos deste país continental.

Leia mais »

Avaliar
Print Friendly, PDF & Email
Gabriel Mario Rodrigues2

Gabriel Mario Rodrigues
Presidente do Conselho de Administração da ABMES
***

“O que eu ouço, eu esqueço; o que eu vejo, eu lembro; o que eu faço, eu compreendo.”  (Confúcio)

 Para elaborar o artigo de hoje, me inspirei em vasto material ao qual tenho acesso diariamente e que merecem reflexão. São milhares de artigos, livros e teses de renomados professores que vão parar nas prateleiras do porão das universidades, porque na prática ninguém aplica. Vemos grandes investimentos de tempo e dinheiro em congressos, com muitas exposições, mas, ao final, as mudanças parecem ser muito poucas.

Nos últimos anos, a educação dos jovens universitários tem apresentado grandes desafios para educadores e instituições de ensino. O que se vê, em maioria expressiva, é o fazer mais do mesmo, a mesmice secular das salas de aula.

Leia mais »

Avaliar
Print Friendly, PDF & Email
Gabriel Mario Rodrigues2

Gabriel Mario Rodrigues
Presidente do Conselho de Administração da ABMES
***  

“O Brasil teve evolução impressionante na década de 2000, uma das mudanças mais rápidas no sistema educacional quando se trata de qualidade de aprendizagem (…), mas com o tempo este progresso estagnou, desde 2006/2009, nós vimos pequenas mudanças na qualidade de ensino” (Andreas Schleicher, diretor de Educação da OCDE e responsável pelo Pisa)

Ao analisarmos a fala de Andreas Schleicher, epígrafe deste artigo, vemos que o perigo pode estar exatamente no que temos visto como afoitismo de adoções de novas propostas pedagógicas, incerteza de rumos dos poderes governamentais, implantação de novas tecnologias não sedimentadas, inovações que de novo não têm nada, e por aí vamos.

Leia mais »

Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics