Destaques
Patrocínio
Facebook

Arquivo da categoria ‘Gestão Educacional’

Sólon Hormidas Caldas
Diretor Executivo da ABMES – Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior
***

Há um ano, quando o país homenageava seus docentes, eu estava em Israel, um dos países mais desenvolvidos do planeta na esfera tecnológica e globalmente reconhecido como “nação das startups”. Junto com a 2ª Delegação ABMES Internacional, estava imerso em dias de muita tecnologia, inovação e comprometimento com a solidificação de um país a partir da educação.

Ali, em meio a tantas ferramentas educacionais inovadoras, metodologias focadas nos resultados práticos e com a inteligência artificial pautando uma quantidade sem fim de debates, um aspecto que ficou evidenciado foi a relevância dos professores nesse contexto de revolução do processo de ensino-aprendizagem. Não há sistema computacional altamente complexo, mesmo que capaz de transmitir o conteúdo ao tempo em que identifica e trabalha as dificuldades de cada aluno de forma específica, que substitua a figura do docente. Leia mais »

Avaliar

Maurício Costa Romão
Ph.D. em economia pela Universidade de Illinois, nos Estados Unidos
mauricio-romao@uol.com.br
***

Desde os “cursos por correspondência” que a educação a distância tem sido vista com desconfiança e preconceito. Essa percepção continuou nas fases tecnologicamente mais avançadas dos cursos remotos realizados depois pelo rádio e televisão.

A educação a distância cresceu exponencialmente no mundo todo por meio da internet, mas ainda subsistem prevenções contra esta modalidade, difundindo-se o mito de que ela é inferior à sua contraparte presencial em termos de qualidade.

Leia mais »

Avaliar

Celso Niskier
Diretor presidente da Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES)
Reitor do Centro Universitário UniCarioca
***

A porta abre e o professor entra resoluto na sala de aula. Todos os alunos se levantam, e, de pé, saúdam formalmente o mestre, que agradece com um leve aceno de cabeça, pedindo que se sentem, para que possam então começar a magistral aula.

Mais do que uma cena de filme antigo, esse modelo de professor austero e autoritário faz parte de um passado da nossa educação, tempos em que o mestre era a única autoridade e fonte confiável de conhecimentos. Muito diferente dos tempos atuais, com fontes de conhecimento tão variadas, em que muitos mestres abandonam a profissão, pressionados pela violência em sala de aula e por regimes de trabalho estafantes.

Leia mais »

Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics