Destaques
Patrocínio
Facebook

Arquivo da categoria ‘Gestão Educacional’

Print Friendly, PDF & Email

Kellen Emídio da Silva
Advogada
Auditoria Interna da União Brasileira de Educação Católica – UBEC
***

As ações assistenciais das entidades beneficentes estão presentes no país desde 1549, quando os jesuítas adentraram no país com o objetivo de catequizar os nativos. Em 1552 foi fundada a primeira escola do país, também pelos padres jesuítas: o Colégio dos Meninos de Jesus na Ilha de São Vicente, litoral paulista. Até mesmo a difusão da cultura brasileira tem participação de organizações sociais, haja vista que a primeira gramática contendo os fundamentos da língua tupi foi redigida pelo padre José de Anchieta. Trata-se da obra “Arte de gramática da língua” mais usada na costa do Brasil, impressa em Coimbra, Portugal, em 1595.

Embora as obras assistenciais existam desde a concepção da Igreja em função da sua prerrogativa de promover o desenvolvimento da responsabilidade social, o conceito de Terceiro Setor só foi criado na segunda metade do século XX, nos Estados Unidos, um país essencialmente protestantista. O país estabeleceu uma revolução no que tange ao dever caridoso de ajudar o próximo: aliou a iniciativa individual, sua principal característica, à capacidade de associação em prol de objetivos comuns.[1] No Brasil, a partir de 1960, as comunidades de base, em comunhão com o trabalho pastoral desenvolvido pelas Igrejas, difundiram uma ideia inovadora no país: a articulação da sociedade, em prol de seus interesses, sem a interferência de partidos políticos. Assim surgiram as organizações privadas de interesse público.

Leia mais »

Avaliar
Print Friendly, PDF & Email

Celso Niskier
Diretor presidente da Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES)
Reitor do Centro Universitário UniCarioca
***

Cansados, mas felizes. Assim nos sentimos ao regressar dos quinze dias que passamos na China, como parte da Delegação ABMES Internacional. Sons, aromas e sabores compuseram um mosaico de sensações variadas, de difícil descrição, que ainda pairam sobre cada um dos membros da nossa comitiva. Difícil será esquecer tantas imagens e impressões desse país fenomenal.

Foram dias intensos, de muito aprendizado, novidades, experiências únicas e, por que não, bastante diversão. Percorremos quase 40 mil quilômetros, passando por cidades que convivem com a cultura milenar e conhecendo inovações que estão revolucionando o mundo, especialmente na área de educação.

Leia mais »

Avaliar
Print Friendly, PDF & Email

Rafael Villas Bôas
Consultor de Marketing Associado na Atmã Educar & Editor do Blog www.marketingeducacional360.com.br
***

Os Market Places são uma provocativa e recente realidade no marketing educacional. Já são muitos com condições distintas e – claro – com entregas proporcionais. Alguns pequenos cobram menos pelos seus serviços outros maiores cobram mais pelo resultado que entregam.

Estive reunido esses dias com um executivo de um grande Market Place que me abriu algumas das novas orientações da empresa para o futuro. Me disse que a empresa fatura – cobra – 3% de fee do faturamento das instituições e quer cobrar 10% (a partir de uma cesta adjacente de serviços que vem implantando em algumas empresas).

Leia mais »

Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics