Destaques
Facebook
Twitter

Arquivo da categoria ‘Inovação’

Print Friendly, PDF & Email

Claudio Sassaki
Cofundador da Geekie 
***

A escola tem sentido o peso do tempo. Como resposta, o mercado educacional global tem apontado a inteligência artificial como tecnologia-chave para dar uma resposta célere à demanda por inovação. Nesse processo a inteligência artificial ocupa o primeiro plano, sobretudo ao ser associada a um instrumento essencial para colocar a tecnologia a serviço dos alunos. Sinto, mas terei que desmistificar essa ideia que envolve tecnologia e educação.

A limitada visão de um ensino autoguiado e controlador de alunos via dados merece ser desconstruída para dar espaço para uma análise mais ampla, real e criteriosa da questão. Um dos primeiros pontos para avançarmos rumo à essa nova escola passa por ressignificar a relação entre tecnologia e comunidade escolar. Os dados nas mãos dos alunos, professores, gestores e família são responsáveis por um salto qualitativo no processo de aprendizagem do estudante. Longe da noção errônea de fornecer informações para controlar o aluno, dados gerados por learning analytics – abordagem de análise que mede o processo de aprendizagem – trazem transparência e diálogo ao ambiente escolar, contribuindo para um processo educacional de construção coletiva e colaboração contínua. Não me refiro aos números puros de desempenho nas provas; estou falando de dados que trazem evidências de aprendizado para avaliações de novas competências – inclusive, as demandadas pela nova Base Nacional Comum Curricular (BNCC). É o que classifico como educação para além do vestibular.

Leia mais »

Avaliar
Print Friendly, PDF & Email

Janguiê Diniz
Diretor presidente da ABMES
Mestre e Doutor em Direito

Fundador e Presidente do Conselho de Administração do Grupo Ser Educacional
***

Há anos que a China vem se desenvolvendo a galope. Com altas taxas de crescimento (mesmo isso podendo ser um risco), o país mais populoso do mundo se mostra competitivo em diversos setores. Na área de tecnologia, os chineses se tornaram vanguardistas em inovação. Por lá, o número de startups cresce exponencialmente e o ecossistema já é muito maior, por exemplo, que o do Vale do Silício. O país já é líder mundial em startups financeiras (fintechs), educacionais (edtechs) e varejistas.

É da China, por exemplo, a atual startup mais valiosa do mundo: a Bytedance foi avaliada, em 2018, em US$ 75 bilhões, superando a Uber, que ficou na casa dos US$ 72 bi. Logo em seguida, na terceira colocação, mais uma chinesa, a Didi Chuxing, plataforma de transporte privado, com valor de mercado de US$ 56 bilhões. Para se ter uma ideia, enquanto, no Brasil, há apenas cinco startups unicórnios (as que passam o valor de US$ 1 bilhão: 99, PagSeguros, Nubank, Stone e iFood), a China já registra mais de 160 delas.

Leia mais »

Avaliar
Print Friendly, PDF & Email
Gabriel Mario Rodrigues2

Gabriel Mario Rodrigues
Presidente do Conselho de Administração da ABMES
***  

“A ascensão da IA (Inteligência Artificial) é o maior acontecimento da nossa época. Aqueles que serão bem-sucedidos na próxima fase da economia digital não serão os que criarem novas máquinas, mas os que descobrirem o que fazer com elas.” (Malcolm Frank, Paul Roehrig e Ben Pring)

Quem já passou por São Francisco, Califórnia, e resolveu tomar um café, possivelmente, conhece os irmãos Robin, Malcolm e Felipe. São três atendentes muito atenciosos que trabalham com muito sucesso e diferenciação. São robôs, conforme reportagem do Valor Econômico Atendente-robô já serve café em lojas dos Estados Unidos, de 12 de abril.

Leia mais »

Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics