Destaques
Facebook
Comentários

Arquivo da categoria ‘Cultura e literatura’

Ronaldo MotaRonaldo Mota
Reitor da Universidade Estácio de Sá e Diretor Executivo de Educação a Distância da Estácio
http://reitoronline.ig.com.br
***

Os tempos contemporâneos são marcados pela profundidade e rapidez das mudanças em curso. Neste ambiente de informação plenamente acessível, instantaneamente disponibilizada e praticamente gratuita é absolutamente natural que atividades que estamos acostumados hoje sejam profundamente abaladas amanhã e que profissões que nos parecem eternas desapareçam, ou se tornem, raras brevemente.

Assim também foi no passado, ainda que em ritmo mais lento, quando grandes transformações se efetivaram. Uma das mais curiosas e ilustrativas diz respeito aos monges copistas. Esses monges eram totalmente dedicados à cópia de livros, os quais eram escritos à mão, utilizando penas de ganso e tinturas, decorados com pinturas e feitos sobre pergaminhos, ou seja, peles tratadas de carneiros ou cabras.

Leia mais »

Avaliar

Antonio OliveiraAntônio de Oliveira
Professor universitário e consultor de legislação do ensino superior da ABMES (1996 a 2001)
antonioliveira2011@live.com
***

De acordo com a mitologia grega, Pandora, a primeira mulher, foi criada por Hefesto, por ordem de Zeus. Atena, deusa da sabedoria, dotou-a de todas as graças e talentos, beleza, audácia, força, sedução. Zeus deu-lhe de presente uma caixa onde estavam encerrados todos os males. Pandora veio habitar a Terra.

Também de acordo com a mitologia, Zeus planejara vingança contra Epimeteu, o primeiro homem. Motivo: Seu irmão, Prometeu, ousadamente subira ao céu e roubara o segredo que proporcionaria ao homem a capacidade de controlar o fogo. Zeus, então, fez com que a sedutora Pandora atraísse Epimeteu, e com ele se casasse.

Leia mais »

Avaliar

wanda_camargoWanda Camargo
Educadora e assessora da presidência do Complexo de Ensino Superior do Brasil – UniBrasil
***

Desde Kant, a cultura é considerada a mais eficiente medida de civilização, parte indissociável do aperfeiçoamento, racional e moral, da história e da sociedade humana; é em si, transcendente e imaterial. As realizações culturais materializadas, que a significam e conservam são, no entanto, produtos do trabalho físico e intelectual.

O Estado é o mais importante financiador de atividades culturais em nosso país, seja por mecanismos de renúncia fiscal ou por aporte direto de recursos, e nisso está em consonância com o que ocorre na maior parte do mundo. Mesmo os norte-americanos, que têm tradição de fazer generosas doações privadas a museus e universidades, o fazem em parte porque dessa forma obtém vantagens tributárias e de sucessão patrimonial, além de prestígio social.

Leia mais »

Avaliar
Números do Ensino Superior

Quer contribuir para o blog da ABMES?

Envie seu artigo para o e-mail comunicacao@abmes.org.br com nome completo, cargo e foto e aguarde nosso contato!

Categorias
Autores
Arquivos