Arquivo da categoria ‘Política’

Gabriel Mario Rodrigues2

Gabriel Mario Rodrigues
Presidente do Conselho de Administração da Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES)
***

“A Educação sozinha não faz grandes mudanças, mas nenhuma grande mudança se faz sem educação”. Bernardo Toro (1)

Fim do ano passado tive um amigo hospitalizado no Albert Einstein durante as festas natalinas devido a uma cirurgia complicada. Falando comigo depois do susto dizia eufórico que nos hospitais época de Natal e Ano Novo são dias comuns; todo mundo trabalhando, médicos, enfermeiros, atendentes, segurança, limpeza e mais de milhares de funcionários, todos atuando em seus setores, enquanto a população comemora o as festas de fim de ano. O mesmo acontece na cidade onde há gente festejando e outros em suas tarefas habituais. Lembrei-me desde fato pelo que foi trazido pela mídia sobre o feriado da independência, informando que “o governo está flexibilizando tudo, menos a escola”, obrigada a permanecer fechada. Dedução equivocada dela: “a praia foi valorizada e a escola não”. Esquecendo que na mesma data deveriam estar trabalhando pelo Brasil afora muito mais gente que os amantes da praia.

Por essas constatações, o desafio que temos pela frente, além de outros, é de fazer o aprendizado ser tão prazeroso como o lazer, a praia e o futebol. Trabalho e lazer são complementares e, bem distribuídos, fazem bem à qualidade de vida.

Leia mais »

Avaliar
Gabriel Mario Rodrigues2

Gabriel Mario Rodrigues
Presidente do Conselho de Administração da Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES)
***

“Para proporcionar um ensino excelente, os professores precisam atingir habilidades sofisticadas e serem capazes de avaliar precisamente os pontos fortes e fracos de cada estudante.”[1]
“No Japão, a formação não acaba nunca: políticas públicas garantem que os professores ganhem novos conhecimentos até o dia de sua aposentadoria. O modelo nipônico mescla diversos tipos de atividades. Os cursos formais são obrigatórios – cada professor precisa fazer pelo menos um por ano.”[2]

Há uma publicação de 2015 da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) que analisa mais de 450 iniciativas de melhoria do ensino em 34 países com o objetivo de aperfeiçoar seus sistemas educacionais.

Leia mais »

Avaliar

Sólon Caldas
Diretor executivo da ABMES
***

Em agosto de 1982 começavam os primeiros capítulos de um sonho: promover o fortalecimento e a expansão da educação superior no Brasil com a criação da Associação Brasileira de Mantenedores de Ensino Superior (ABMES). Ao longo desses 38 anos, todos aqueles que fazem parte desta história se empenharam no desenvolvimento da educação brasileira, colaborando com políticas públicas, debates importantes para ampliação e democratização de acesso, em especial, dos estudantes com menor renda.

Os números são ótimas expressões para ilustrar essa trajetória. No início da década de 1980, universidades, centros universitários e faculdades particulares já representavam 70% das instituições de nível superior no país e eram responsáveis por formar 61% dos alunos, dando sinais de maturidade suficiente para expansão. O salto foi inevitável e, atualmente, 88% das instituições são particulares e cerca de 75% dos estudantes brasileiros estão matriculados nelas.

Leia mais »

Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics