Destaques
Facebook
Prof. Dr. Valmor Bolan
Doutor em Sociologia e Presidente da CONAP (Comissão Nacional de Acompanhamento e Controle Social do Programa Universidade Para Todos – ProUni)
***

Comemoramos o dia do professor na data em que se celebra a festa de Santa Teresa de Ávila, Mestre e Doutora da Igreja. Para ela, só era possível educar com amor, daí o sentido magno do magistério, visando extrair do estudante o que ele já contém em si, a própria vida cheia de conteúdo, para transbordar na pujança dos talentos. É através do processo educativo que a pessoa não apenas se instrui, mas se conhece (conhece também os seus limites), a partir de uma disciplina que permita um equilíbrio emocional e uma razão também equilibrada para superar os problemas e desafios da vida, buscando um aprimoramento sempre necessário. Ao longo da história tem sido assim, daí a importância daquele que dedica a sua vida à educação, um ofício realmente nobre, dotado de uma grande dignidade, imprescindível para o bem de toda a sociedade.

Mais do que um mestre do saber, o professor é chamado a ser um cultivador de humanidade, na medida em que desperta em cada aluno o amor à vida, e aquelas exigências necessárias para um convívio civilizado e promissor. Daí que o professor não é apenas um transmissor de informações, mas tem deveres morais em suscitar nos estudantes a responsabilidade, e as motivações em bem empregar suas potencialidades para o bom desenvolvimento social. Cada aluno é um universo em potencial, sendo bem preparado pode dar bons frutos. Nesse sentido, é preciso que haja uma pedagogia como quis Santa Teresa de Ávila: educar com amor. Sem isso, prevalece apenas um tecnicismo incapaz dos avanços da inteligência e da criatividade, capaz de tornar melhor as relações humanas, o ambiente em que vivemos e as perspectivas do verdadeiro progresso humano. O elemento fundamental é mesmo esta disposição de tornar o outro melhor como pessoa, daí o professor exerce uma função muito importante, no que é mais do que uma profissão, mas uma missão especial.

Sabemos que hoje há muitos desafios e novas dificuldades para o exercício do magistério em nosso País. Faltam mais investimentos, melhor infra-estrutura e condições de trabalho, melhor remuneração e formação, enfim, são muitos os problemas enfrentados pelos professores, em todos os níveis, apesar de haver hoje tantas possibilidades técnicas que não existiam no passado recente. Mas os professores estão buscando – muitos heroicamente – dar conta desses desafios, numa superação cotidiana a exigir esforços redobrados, mas esperamos que possamos conseguir conciliar tecnologia e humanidade, para que na convergência das possibilidades, o professor encontre condições mais signas de trabalho, maior valorização social e – o que é mais importante – recupere a auto-estima e a satisfação em poder realizar-se profissionalmente e também pessoal mente como professor.  Por isso, nossa palavra neste 15 de outubro é de ânimo, para que os professores e professoras do Brasil se sintam motivados a viverem a sua missão, certos de que especialmente os jovens dependem do seu entusiasmo, alegria, dedicação e empenho na difícil, mas gratificante profissão de educador. Mais do que um dador de aulas ou um transmissor de informações, o professor e a professora são chamados a testemunhar o amor à vida, numa das tarefas humanas mais edificantes.  Vale a pena, portanto, os inúmeros sacrifícios do dia-a-dia, quando vemos que nossos alunos se tornam alguém na vida, e alguém de valor e respeito pelo que é e pelo que faz. Por isso, o papel do professor – assim como dos pais que são os primeiros educadores – é insubstituível.  E também imprescindível.

Queremos pois cumprimentar cada professor e professora deste imenso Brasil, país continental, pelo muito que fazem a tantas crianças, adolescentes e jovens. Quanto valor humano e  riqueza intelectual desabrochada, nos mais diversos segmentos sociais, graças ao trabalho heróico de professores abnegados e dedicados. A todos, a nossa gratidão e respeito. Continuaremos trabalhando dentro do nosso campo de atuação para cada vez mais valorizar e promover os professores, buscando medidas que efetivamente contribuam para que haja mais incentivo e apoio, àqueles que forjam as inteligências do nosso País. É deste trabalho incansável que conseguiremos alcançar o Brasil próspero e justo que tanto desejamos, com o desenvolvimento necessário para fazer do nosso Brasil uma grande nação. Parabéns professor neste seu dia.

Avaliar

Deixe uma resposta

Números do Ensino Superior

Quer contribuir para o blog da ABMES?

Envie seu artigo para o e-mail comunicacao@abmes.org.br com nome completo, cargo e foto e aguarde nosso contato!

Categorias
Autores
Arquivos