Destaques
Patrocínio
Facebook
Print Friendly, PDF & Email

Paulo CardimPaulo Cardim
Reitor da Belas Artes e Presidente da Conaes
Blog da Reitoria, publicado em 27 de maio de 2019
***

A vida universitária acolhe pessoas de diferentes origens e habilidades desenvolvidas em estudos de níveis diversos. Educadores, educandos, gestores e profissionais da área técnica e administrativa de apoio têm objetivos individuais ou corporativos singulares. Há, contudo, um objetivo institucional – ensino e aprendizagem – que exige disciplina, respeito pela diversidade, pluralismo de ideias e aplicação dos recursos públicos ou da livre iniciativa de forma eficiente e eficaz. Nem sempre, porém, esse objetivo é alcançado integralmente. As instituições de educação superior (IES) cuidam de pessoas e formam cidadãos e profissionais, seu produto final. Não são peças. São seres humanos. Nesse “pequeno” detalhe reside a complexidade da educação, em qualquer nível ou grau.

Com o protagonismo da Internet, as inovações tecnológicas vertiginosas em informação e comunicação e o surgimento de novas tecnologias diruptivas, como o 5K, a vida universitária, obrigatoriamente, terá que inovar na forma de ensinar, com reflexos inauditos no processo de aprendizagem. É o que previam, em 2012, Clayton M. Christensen e Henry J. Eyring, em A universidade inovadora: mudando o DNA do ensino superior de fora para dentro (Porto Alegre: Bookman, 2014, p. XXIII): “No futuro o ensino poderá vir a sofrer uma desestabilização ou dirupção à medida que vierem a existir significativas melhorias nas tecnologias online e uma alteração no foco competitivo, que deve passar das credenciais do professor ou do prestígio da instituição para aquilo que os estudantes conseguem de fato aprender”. (grifos no original)

Leia mais »

 
Print Friendly, PDF & Email

Maurício Garcia
Vice-Presidente de Inovação e Ensino da Adtalem Brasil
***

É bem curioso como o homem criou o computador à sua imagem e semelhança. A começar por sua entidade mais elementar que é o bit, o qual é a unidade básica de armazenamento de informações, capaz de registrar apenas dois valores: 0 ou 1.

A intuição humana a partir dessa lógica binária pode ser encontrada desde abstrações mais primitivas, como claro e escuro, quente e frio, longe e perto, grande e pequeno e forte e fraco, até em abstrações mais elaboradas como dia e noite, verão e inverno, alegria e tristeza e até mesmo céu e inferno.

Leia mais »

 
Print Friendly, PDF & Email
Gabriel Mario Rodrigues2

Gabriel Mario Rodrigues
Presidente do Conselho de Administração da ABMES
***  

“O Brasil na década de 90 tinha o desafio que era colocar todo mundo para dentro da escola. Essa era a clareza do desafio. O que a gente está tentando dizer para a sociedade agora é: temos um novo grande desafio. Garantir que eles tenham acesso à Educação de verdade, não é o acesso a entrar na escola. É o acesso a aprender mesmo.” (Rossieli Soares, ex-ministro da Educação e secretário da Educação do Estado de São Paulo)

Imagine se a pauta educação tivesse a mesma divulgação que a reforma da Previdência Social está tendo. Ao menos os representantes do Congresso, do Executivo, do Judiciário e todos os brasileiros ficariam sabendo um pouco sobre a necessidade de capital humano para o Brasil se desenvolver. Temos desafios imensos a serem solucionados e que dependem da nossa sensibilidade para que passemos das intenções para a ação.

Leia mais »

 
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics