Destaques
Facebook
Twitter

    Sorry, no Tweets were found.

Print Friendly, PDF & Email

Maurício Garcia

Prof. Dr. Maurício Garcia

Vice-Presidente de Planejamento e Ensino
DeVry Brasil
mgarcia@devrybrasil.com.br
***

Conhecimento sem atitude é como um corpo sem alma. É preciso desenvolver nos alunos questões como responsabilidade, determinação, compromisso e seriedade.

O Museu Jeu du Paume, em Paris, é uma pequena galeria localizada nos Jardins da Tulherias, anexa ao Louvre. Foi construído em 1861 para ser a sede da Corte de Tênis (“jeu du paume”, em francês), vindo posteriormente a abrigar uma importante coleção de artistas impressionistas, até que em 1986 essa coleção foi transferida para o Museu D’Orsay. Hoje, o Jeu de Paume exibe arte contemporânea, dos séculos XX e XXI, especialmente obras fotográficas.

Esse texto, todavia, irá abordar a história da funcionária mais ilustre do Jeu de Paume. Rose Valland nasceu no interior da França, em 1898, num pequeno vilarejo chamado Saint-Étienne-de-Saint-Geoirs, hoje com cerca de 2 mil habitantes. Desde cedo se interessou por artes e foi estudar na Escola de Belas Artes de Lyon e, em seguida, em Paris. Em 1932 foi trabalhar no Museu Jeu de Paume.

Leia mais »

 
Print Friendly, PDF & Email
Roberta Muriel
Mestre em Administração com ênfase em Inovação e Competitividade, Diretora da Carta Consulta
***

As Instituições de Ensino Superior – IES precisam urgentemente de providenciar a contratação de um profissional para cuidar apenas do acompanhamento dos instrumentos de avaliação incluídos no site do INEP e de sua articulação com a legislação vigente. Mas este deve ter um cérebro privilegiado, capaz de entender a lógica do enorme enrosco que virou este assunto.

Os problemas são inúmeros e a possibilidade de, mesmo seguindo os instrumentos estarmos em falta com o atendimento à legislação é enorme. E a conseqüência já se sabe: “não fez nada, mas vai preso do mesmo jeito”.

Leia mais »

 
Print Friendly, PDF & Email
Roney Signorini
Prof. Roney Signorini – Consultor Educacional
roneysignorini@ig.com.br
***

Inicia-se um novo semestre letivo. Estarão nas salas de aula os rematriculados e os novos ingressantes dos seletivos. Os primeiros talvez tenham sido promovidos com aprovação total no semestre anterior ou carreguem alguma(s) dependência(s). Os segundos, muitos com mínima qualificação e capacitação para a carreira universitária, mesmo assim lograram ingresso. Outros deles atravessaram o vestíbulo da universidade carregando aprovações automáticas da educação básica. (Aliás, o candidato ao governo de São Paulo Aloísio Mercadante tem posição firmada, declarando que acabará com a aprovação automática nas escolas paulistas, se for eleito, mas não promoverá uma política de repetência dos estudantes da rede pública.)

Ambos os alunos (rematriculados e ingressantes) se sujeitaram a provas para a continuidade dos estudos. Mas, suas avaliações terão ocorrido com eficácia ou as aprovações decorreram de muita tolerância avaliativa, prevalecendo outros interesses do avaliador?

Leia mais »

 
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics