Destaques
Patrocínio
Facebook

Posts Tagged ‘inteligência emocional’

Júlio César de Castro Ferreira
Psicoterapeuta, coach, psicopedagogo e educador
Fundador e diretor da Woke Mind
***

Soft skills e competências socioemocionais são dois termos com o mesmo sentido, ambos atualmente muito presentes no meio empresarial e educacional devido à popularização da compreensão sobre sua relevância, sobretudo para o modelo social que caminhamos a partir da 4ª revolução industrial.

No meio empresarial, independentemente do segmento, cada vez mais são valorizados os profissionais com soft skills bem consolidadas, que se mostram tão relevantes, ou mais, do que as hard skills (habilidades técnicas), no contexto dos negócios. Ou seja, de nada adianta o profissional ter uma ótima qualidade técnica, se não sabe trabalhar em equipe, se relacionar com qualidade, manter sua automotivação ou utilizar a criatividade.

Leia mais »

Avaliar

Mariana Drabik Vieira
Neuropsicóloga e psicóloga educacional do Colégio Positivo
***

Como posso ensinar inteligência emocional para o meu filho? Simples, leve-o ao supermercado! Mesmo que sejam estabelecidos combinados anteriores, ao adentrarem no mundo das guloseimas você possivelmente observará o pequeno tentando burlar as regras para satisfazer suas próprias necessidades. E, possivelmente, logo após receber um “não”, a sessão de birra se inicia.

Frustrar nossas crianças com afeto e empatia é a receita perfeita para ensinarmos a como devem enfrentar o mundo, já que a capacidade de reagir e de se recuperar de situações de estresse pode ser muito útil para que o futuro adulto sobreviva ao mercado de trabalho, ao casamento ou até mesmo a uma final de Copa do Mundo.

Leia mais »

Avaliar

Celso Niskier
Diretor presidente da Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES)
Reitor do Centro Universitário UniCarioca
***

Muito se fala, no mundo de hoje, sobre a importância da inteligência emocional na futura vida profissional do jovem estudante. É conhecida a máxima de que um profissional é contratado pelas suas habilidades técnicas, e é demitido pelas suas habilidades comportamentais, ou, no caso, a falta delas.

As empresas irão exigir cada vez mais uma proposta pedagógica inovadora e aderente às demandas do mercado de trabalho. Por essa razão, muitas instituições de educação superior (IES) já começaram a incluir em seus currículos as chamadas “soft skills”, ou habilidades socioemocionais.

Leia mais »

Avaliar
Números do Ensino Superior
Categorias
Autores
Arquivos
Visitantes
wordpress analytics